Apex-Brasil recebe 135 inscrições para a 5ª edição do prêmio Excelência em Exportação

Evento será realizada na próxima quarta, no Teatro Alfa, em São Paulo

A quinta edição do Prêmio Apex-Brasil de Excelência em Exportação recebeu 135 inscrições. Neste ano a premiação terá quatro categorias, que vão destacar o desempenho de empresas e entidades representativas dos setores da indústria, do comércio e de serviços que se destacaram na exportação nos anos de 2012 e 2013.

Promovido pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) com o tema Brasil Beyond ou “O Brasil que vai além”, a premiação será realizada no dia 28 de maio, no Teatro Alfa em São Paulo. Vencedores e homenageados serão conhecidos durante a solenidade.

Nesta edição o Prêmio Apex-Brasil reconhecerá quatro casos de sucesso em exportação registrados nos anos de 2012 e 2013. São quatro categorias: três para empresas – dividas por porte: micro e pequeno, médio e grande – e uma para entidade setorial parceira da Apex-Brasil pela iniciativa inovadora de promoção setorial.

A análise das histórias e a escolha dos finalistas foram feitas por um júri de notáveis, composto pelo presidente do Valor Econômico, Alexandre Caldini, o presidente da Fundação Centro de Estudos do Comércio Exterior (Funcex), José Augusto Coelho Fernandes, e o presidente da Confederação Nacional da Indústria, Robson Braga de Andrade. Também compõem o corpo de jurados o ex-ministro Luiz Fernando Furlan e o atual titular do Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Mauro Borges.

Homenagens

A 5ª edição do Prêmio Apex-Brasil vai prestar homenagem a 16 iniciativas e lideranças empresariais que acreditam no Brasil e que investem em produtos competitivos e inovadores que estão fazendo sucesso lá fora. Para escolher os homenageados, a Apex-Brasil avaliou quesitos como liderança empresarial, ações sustentáveis, inovadoras e de atração de investimentos. Também foram avaliadas iniciativas de internacionalização de produtos e serviços brasileiros e o desempenho exportador de empresas de grande, médio e pequeno portes. Ainda serão destacadas ações estratégicas de marketing de relacionamento e de inteligência comercial.

A atuação das entidades no esforço de inserir novas empresas nas atividades exportadoras e de diversificar mercados também serão reconhecidas.

Prêmio

O Prêmio Apex-Brasil foi instituído em 2006 e vem sendo realizado a cada dois anos para homenagear lideranças e iniciativas empresariais que, no campo do comércio exterior, tenham se destacado por marcante contribuição ao desenvolvimento do Brasil.

Mauricio Borges, presidente da Apex-Brasil, avalia que a inovação é um dos fatores mais relevantes para assegurar a competitividade das empresas brasileiras nos mercados nacional e internacional. “Investir em inovação torna as empresas naturalmente mais competitivas. Este é sem dúvida um instrumento necessário para a conquista de novos mercados e também para consolidação da presença no exterior”.

Fonte: Imprensa – Apex-Brasil

(61) 3426-0775

Harley-Davidson lança linha de capacetes no mercado brasileiro

Comercializados pela primeira vez em território nacional, estão disponíveis nos modelos fechado, ¾ e modular

Capacete fechado é fabricado em policarbonato, que melhora o conforto e o ajuste na cabeça
Capacete fechado é fabricado em policarbonato, que melhora o conforto e o ajuste na cabeça

Começou a ser comercializada nas concessionárias Harley-Davidson de todo o Brasil a nova linha de capacetes da marca. Homologados recentemente para o mercado nacional, os modelos apresentam design arrojado e estão disponíveis aos clientes e fãs de motociclismo em três formatos: fechado, ¾ e modular.

Modelo 3/4 possui viseira equipada com tecnologia one touch, para ser aberta com apenas um dedo, mesmo com luvas
Modelo 3/4 possui viseira equipada com tecnologia one touch, para ser aberta com apenas um dedo, mesmo com luvas

“A Harley-Davidson é mundialmente reconhecida por fabricar motocicletas incríveis, assim como por sua linha de roupas, acessórios e produtos de General Merchandise, que inclui roupas funcionais para motociclistas. Homologar os capacetes da marca no território nacional é mais um passo do nosso plano de expansão no Brasil. Temos certeza que o consumidor brasileiro ficará satisfeito com mais esse lançamento”, explica Longino Morawski, diretor-superintendente Comercial da Harley-Davidson do Brasil.

O modelo fechado protege totalmente a cabeça do piloto, incluindo a região do queixo. Fabricado em policarbonato, que melhora o conforto e o ajuste na cabeça, o capacete possui sistema de ventilação e canalização que libera o calor e a umidade por cima e para fora do casco. Seu revestimento lavável e removível é composto de EPS (poliestireno expandido), auxiliando na absorção de energia provocada por impactos. O modelo ainda é equipado com viseira que oferece proteção de 95% dos raios UV. O preço sugerido para essa versão é R$ 690,00.

Os capacetes modular e ¾ possuem as mesmas características do formato fechado. Além disso, oferecem sistema Silver Cool™, com tecnologia antibacteriana, que absorve a umidade e evita o surgimento de odores no tecido. Eles ainda possuem viseira equipada com tecnologia one touch, para ser aberta com apenas um dedo, mesmo com luvas. Os preços sugeridos são R$ 1.365,00 e R$ 940,00, respectivamente.

Toda a linha de capacetes Harley-Davidson é certificada pelo Inmetro e está disponível nas cores preto fosco e preto brilhante.

Nova linha de capacetes já está disponível nas concessionárias Harley-Davidson de todo o Brasil
Nova linha de capacetes já está disponível nas concessionárias Harley-Davidson de todo o Brasil

General Merchandise

Além de motocicletas fantásticas, a Harley-Davidson se destaca pela variedade de produtos licenciados, oferecidos aos seus fãs e consumidores no mundo todo. Só no Brasil, mais de 10 mil itens estão à venda, incluindo peças, acessórios, roupas, além de itens de uso pessoal e colecionáveis.

Todos os artigos são criados seguindo o estilo inconfudível e a atenção ao detalhe que se espera da Harley-Davidson, proporcionando uma experiência completa aos fãs da marca, tanto em viagens como no dia a dia e fora da estrada.

Fonte: Zuun

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

MSP marca presença na Licensing Expo 2014

A Mauricio de Sousa Produções (MSP), empresa de licenciamento no Brasil, participará da Licensing Expo 2014, que acontece no Mandalay Bay Convention Center, Las Vegas, Estados Unidos, de 17 a 19/06.

A MSP contará com um estande no evento, onde objetiva dar prosseguimento à internacionalização das propriedades.

Pela segunda vez participando da Licensing Expo, a empresa divulgará todo o conteúdo e marcas da Turma da Mônica, como as famílias de personagens Turma da Mônica Clássica, Turma da Mônica Jovem, Turma do Chico Bento, Turma da Mônica Baby e Turma da Mônica Toy, sendo este o mais novo lançamento da empresa, que aposta nos traços 2D, no estilo toy art, e em animações sem diálogos e bem-humoradas, para cativar os mais diversos públicos.

monica-toy[1]

São mais de dez milhões de visualizações de vídeos da Mônica Toy no canal oficial da Turma da Mônica no YouTube, e a soma do total de minutos assistidos estimada é de 4.203.319 minutos, o que equivale a sete anos e 362 dias, ou seja, quase oito anos.

Fonte: Promoview

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

Coreia do Sul recebe exposição da Turma da Mônica

De 30 de maio a 22 de junho, a Central Gallery Lotte, em Seul, na Coreia do Sul, receberá a mostra A Obra de Mauricio de Sousa, que apresenta diversas criações do pai da Turma da Mônica

46469[1]

Desde os anos 1970, Mauricio de Sousa se notabilizou por não se contentar apenas com o sucesso no Brasil. Por terem características universais, seus personagens ganharam o mundo. E nunca mais pararam. A prova mais recente disso é que a Turma da Mônica ganhará uma exposição em Seul, na Coreia do Sul, de 30 de maio a 22 de junho. A Central Gallery Lotte ambientará a trajetória do desenhista Mauricio de Sousa e outras intervenções e criações da Mauricio de Sousa Produções.

A mostra, que tem curadoria de Jacqueline Mouradian, apresentará ao público coreano parte da grandeza das obras de Mauricio de Sousa, ao longo de mais de cinquenta anos de carreira. Além dos já conhecidos quadrões, haverá painéis com a biografia do autor, um grande desenho dos seus personagens, vitrines com produtos, bonecos e desenhos, revistas e livros que foram editados em outros países, homenagens que Mauricio recebeu de artistas internacionais, os parques, uma TV contando a história da Mauricio de Sousa Produções e a primeira temporada da animação Mônica Toy, painel da Copa do Mundo e outras atrações.

A exposição percorrerá mais duas unidades da Gallery Lotte, uma em Seul, em julho, e outra em Pusan, em agosto.

O contato entre Coreia do Sul e Mauricio de Sousa Produções não é novo. Livros, revistas, animações e produtos já levaram a Turma da Mônica para aquele país. A coletiva de imprensa, marcada para o dia 29 de maio, tem apoio da Embaixada Brasileira em Seul.

Serviço:

A Obra de Mauricio de Sousa

Data: 30 de maio a 22 de junho

Local: Central Gallery Lotte

Seul • Joong-gu NAMDAEMUN • RO 81

Lotte Shopping 12º e 14º andar • Lotte Gallery

LotteGallery

Tel.: 02-726-2256

A Obra de Mauricio de Sousa

Data: 25 de junho a 21 de julho

Local: Sucursal Gallery Youngdeungpo

Seul • Youngdeungpo-kuKyungin • Ru 846

Lotte Shopping • Yeongdungpo 10º andar

Lotte Gallery

Tel.: 02-2670-8889

A Obra de Mauricio de Sousa

Data: 24 de julho a 20 de agosto

Local: Kwangbok

Pusan Jung-ku • Principal Avenue 2

Lotte Shopping • Juny Jung-ang MAPO daero

Kwangbok Aqua Mall 10º andar • Lotte Gallery

Tel.: 51-678-2610

Sobre a Mauricio de Sousa Produções:

A MSP é a empresa responsável pela produção de histórias em quadrinhos, desenhos animados, criação e desenvolvimento de personagens, licenciamento de produtos e todos os projetos relacionados com as figuras da Turma da Mônica e demais personagens (eventos, shows, parques de diversões etc.). Em sua trajetória, que já dura 50 anos, a empresa conquistou aproximadamente 86% do mercado brasileiro na área de quadrinhos, possui o quarto maior estúdio do setor no mundo, e alcançou o número 100 títulos de livros lançados por ano totalizando dois milhões de exemplares nas livrarias, No licenciamento, trabalha com média de 150 empresas que utilizam seus personagens em mais de 3.000 itens.

Fonte: Brasil Fashion News

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

Palmeiras lança linha de instrumentos musicais com símbolo do clube

hehuah[1]

O Palmeiras, em conjunto com a empresa Waldman, lançou com exclusividade no mercado brasileiro a linha de instrumentos musicais com o emblema do Palmeiras estilizado nos equipamentos. São três novos produtos que integram a linha Dream Team Waldman: cavaco, guitarra e violão.

O cavaquinho da Waldman é fabricado com Plywood selecionado e reproduz os melhores sons e ótimo timbre. Possui design exclusivo e traz as cores e o símbolo do time. Já a guitarra da marca é construída com material de alta qualidade e acabamento exclusivo, os mesmos utilizados nas linhas profissionais.

Feita em madeira nobre, braço em Maple e escala em Rosewood, esta guitarra é capaz de proporcionar um som cheio e com frequências bem equilibradas. Com excelente sonoridade, seus dois captadores humbuckers possuem um timbre mais encorpado e potente.

Os instrumentos podem ser encontrados nos principais e-commerces (somente nas lojas virtuais) do Brasil, dentre eles: Walmart, Ricardo Eletro, Casas Bahia, Ponto Frio, Extra, Magazine Luiza, Americanas, Submarino, Shoptime, entre outros.

Fonte: SEP – Site Oficial

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

Pretty Ugly, LLC nomeia LID-Group como agente no Brasil

Green Brook, NJ – Maio, 2014 – Pretty Ugly™, LLC dona da marca UGLYDOLL® brand, nomeou LID-Group como seu agente de licenciamento no território brasileiro.

Nós estamos muito animados por trabalhar com LID-Group na criação de um programa abrangente do UGLYDOLL no Brasil. “Com o Brasil sendo parte dos grandes quatro mercados emergentes, não poderia ter hora melhor para inserir nossa marca e oferecer uma extensa série de produtos para nossos fãs” diz Drew Matilsky, sócio diretor, Pretty Ugly, LLC. A LID-Group compartilha da nossa paixão e visão pela UGLYDOLL e estamos contentes por saber que seu grupo identificará o melhor dos melhores parceiros de licenciamento e implementar um programa estratégico que agradará consumidores de todas as idades.

O processo de licenciamento tem como premissa adicionar o reconhecimento e valor de uma marca em todos os produtos. “Para a LID-Group, trabalhar com a marca UGLYDOLL é um sonho que se realiza” diz Signý Valbjorg Sigurthorsdottir, sócio diretora, LID-Group. O conceito, os personagens e as histórias inovadoras, engraçadas e distintas são diferentes de tudo que existe no mercado brasileiro. Isso vai permitir o desenvolvimento de uma linguagem que carrega toda a emoção da marca para consumidores de todas as idades. Esta linguagem garantirá os valores e atributos da marca UGLYDOLL, para várias categorias de produtos licenciados, no mercado brasileiro.

LID-Group
LID-Group é uma empresa que trabalha usando ferramentas integradas e um grupo multidisciplinar, dedicado a achar a melhor solução para cada projeto desenvolvido. Nós trabalhamos para idealizar, desenvolver, estruturar e realizar todas as fases do projeto na tentativa de fazê-lo o mais eficiente, inovador e rentável possível para nossos clientes.

UGLYDOLL & Pretty Ugly, LLC
David Horvath & Sun-Min Kim criaram o primeiro boneco de pelúcia UGLYDOLL costurado a mão em 2001. Desde o começo do primeiro personagem, Wage, que David desenhou em uma carta de amor destinada a Sun-Min, UGLYDOLL cresceu e tornou-se um universo inteiro de personagens, histórias e produtos para todas as idades.

A marca UGLYDOLL foi lançada em 2002 pela Pretty Ugly, LLC em New Jersey. A propriedade se distingue pela definição estética do casal do que é “feio”, definindo o termo como distinto e único. Os personagens vencedores de prêmios UGLYDOLL aparecem em uma vasta variedade de brinquedos, livros, vestuário e outros produtos licenciados que estão disponíveis em milhares de lojas, mundialmente. Para mais informações, por favor visitar www.uglydolls.com .

UGLYDOLLxLID-painter-shaded_PORTU

Contato:
LID-Group
info@lid-group.com
Rua Sepetiba 570, Siciliano
São Paulo
T: 11 2594-5940

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

Supermercados de SP devem faturar R$ 92 bilhões

Os supermercados de São Paulo devem alcançar um faturamento de R$ 92 bilhões em 2014, segundo expectativa da Associação Paulista de Supermercados (Apas) em parceria com a Nielsen e Kantar Worldpanel. Se o resultado for alcançado, o setor terá um crescimento nominal de 15,1% em comparação com o ano passado, quando obteve um faturamento de R$ 79,9 bilhões. Só no período de Copa do Mundo, a associação espera um volume de vendas total de R$ 1,8 bilhão e as categorias que mais devem contribuir para isso são: carnes, cervejas, refrigerantes e salgadinhos. Em número de lojas, o estado deve fechar 2014 com 17 mil lojas, 4,9% a mais que o registrado em 2013.

Fonte: Giro News

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

SPR muda estratégia, e lojas da CBF vão focar turistas

Empresa vai abrir pontos de venda em pontos turísticos, como Costa do Sauípe e Corcovado, um modelo diferente do que a destacou com franquias de clubes

loja-cbf-spr2_free_medium[1]

Como fazer com que produtos com a marca da CBF, e não só a camisa da seleção brasileira, vendam mesmo em períodos de pouca atividade do time nacional? A SPR, contratada no início deste ano pela confederação para administrar a nova rede de lojas, com um contrato que vale por dez anos, até 2024, acredita ter a resposta: turistas.

A empresa também é responsável por redes de franquias de sete clubes: Corinthians, São Paulo, Vasco, Botafogo, Cruzeiro, Internacional e Vitória. Mas teve de mudar a fórmula que a destacou no mercado brasileiro nos últimos anos. Principalmente com os corintianos, com quem abriram mais de 100 lojas e elevaram substancialmente as receitas do time com licenciamentos, lojas foram abertas em shoppings e locais de grande circulação.

No caso da CBF, a estratégia consiste em priorizar pontos turísticos. Um quiosque na Costa do Sauípe, na Bahia, outro no Corcovado, no Rio de Janeiro, e assim por diante. Sob a mesma mentalidade, aeroportos de todo o país também são focos. O de Guararapes, no Recife, é um que já tem acordo fechado, e vários outros estão encaminhados. Deste modo, a empresa espera que as lojas da seleção brasileira sigam mais o ritmo do turismo nacional do que necessariamente o desempenho da equipe dentro de campo.

“Ao contrário do que as pessoas podem pensar, não estamos preocupados com a Copa do Mundo. Está muito em cima, e há várias restrições. Nós queremos abrir de 30 a 40 lojas em cinco anos e limitar o efeito sazonal da seleção brasileira nas vendas”, explica Caio Campos, ex-gerente de marketing do Corinthians que hoje presta consultoria para a SPR, à Máquina do Esporte. Nos dez anos, a expectativa é que sejam abertas 100 pontos de venda da CBF, entre lojas e, principalmente, quiosques e corners, que podem ser realocados ou desativados em períodos menos favoráveis.

Basicamente, o negócio é o mesmo dos clubes. A gestora das franquias vai replicar os mesmos sistemas e métodos que usa com as equipes. Mas o público é outro. Até porque há diferenças determinantes nos perfis de torcedores de times e seleção. Clubes jogam todo o ano, têm muito mais jogos na TV, estão mais próximos fisicamente dos fãs, nos estádios, e compõem a identidade das pessoas. Logo, há consumidores mais assíduos de produtos licenciados.

Fora o período da Copa do Mundo ou o de decisão nas eliminatórias, algo que não ocorreu neste ciclo de 2014, a seleção não tem torcedores ativos por longos períodos. Para piorar, a CBF não goza de muito prestígio entre os adeptos mais informados. São anos de procedimentos e dirigentes escusos, acusações de corrupção e, consequentemente, pauladas da imprensa. Não há muito orgulho em vestir o escudo da CBF. Foi por causa das diferenças entre os perfis de fãs que a SPR teve de dar alguns passos para trás, entender o produto e mudar de estratégia.

Estrangeiros ou domésticos, turistas têm mais carinho pela seleção brasileira, mais dinheiro no bolso para gastar e mania de comprar souvenirs, itens que os façam lembrar das viagens que fizeram.

Fonte: Maquina do Esporte

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

Marky Ramone: “Se você busca sucesso, crie algo completamente novo”

Baterista do Ramones dá dicas para quem tem planos para se tornar um empreendedor e fazer sucesso

Marky Ramone no lançamento da Marky Ramone’s Blitzkrieg Hot Sauce, da De Cabrón. Foto: André Natali/Weathermen
Marky Ramone no lançamento da Marky Ramone’s Blitzkrieg Hot Sauce, da De Cabrón. Foto: André Natali/Weathermen

Integrante da formação clássica dos Ramones, o baterista Marky Ramone divide sua rotina entre a música e a gastronomia. Empreendedor da própria carreira e de seus negócios paralelos, ele conta com diversos investimentos e produtos licenciados com seu nome.

Esta foi uma das razões que trouxe Ramone ao Brasil. O músico aproveitou a turnê para lançar a Marky Ramone’s Blitzkrieg Hot Sauce, molho de pimenta produzido pela De Cabrón, marca de Santa Cruz do Rio Pardo, no interior de São Paulo. Em entrevista ao iG, Ramone contou sobre seu espírito empreendedor e deu dicas para jovens que estão tentando montar um negócio próprio.

Entre os empreendimentos que levam seu nome estão o molho de macarrão que ele mesmo desenvolveu Marky Ramone’s Brooklyn’s Own Pasta Sauce, os sorvetes Marky Ramones’s Cookies, o restaurante itinerante Marky Ramone’s Cruisin’ Kitchen, do qual é sócio, e a recente cerveja Marky Ramone’s Brown Ale. “Acho que todos devem experimentar comidas criativas. O Big Mac ainda vai matar vocês”, brinca.

Como em todos os seus produtos licenciados, Marky pretende reverter o lucro das vendas do molho de pimenta para instituições que abriguem crianças de rua. O lucro da cerveja sustenta uma instituição que financia o estudo de música para jovens espanhóis e o dinheiro arrecadado com o molho de tomate vai para uma instituição que beneficia crianças autistas nos Estados Unidos. “Só coloco minha cara onde há qualidade e onde eu possa reverter os ganhos dinheiro para caridade”, diz.

Veja quais são os três acordes que formam um empreendedor de sucesso, na opinião do baterista Marky Ramone.

1 – Seja um rock star

Para Ramone, a regra é clara: se o objetivo da sua empresa é ganhar o mundo, haja como uma verdadeira estrela do rock. “Se você quer sucesso, crie algo completamente novo, que nunca tenha sido feito antes”, diz. “É como criar uma música nova, um movimento novo. Comece uma ideia do zero e terá sucesso.”

2 – Conheça tudo sobre seu negócio

Saiba tudo – absolutamente tudo – sobre seus negócios e sobre quem trabalha com você. “Isso é o certo a fazer e fazer o que é certo é sempre muito mais difícil, mas é o que garante o sucesso”, diz. “Saiba exatamente o que você quer fazer e quem você quer ser no mercado. Com isso, contrate pessoas que saibam exatamente como te ajudar a chegar neste lugar que sonha.”

3 – Saiba que você não é maior que ninguém

Não adianta ser o sabichão rock star se a humildade não estiver do outro lado fazendo o contra-peso. “A ideia pode ser fantástica, mas se você deixa o sucesso subir e maltrata as pessoas, elas param de ter vontade de trabalhar para você. É burrice se tornar arrogante, você não é maior que ninguém”, afirma Ramone. “Dá trabalho se preocupar com todo mundo, mas essa é a obrigação de quem empreende.”

Fonte: IG

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]

Herdeira de Tarsila do Amaral licencia produtos com obra da artista

Idealizados por Tarsilinha, administradora do legado da artista morta em 1973, a iniciativa começa com uma linha de tecidos

Abaporu, a obra mais conhecida de Tarsila do Amaral
Abaporu, a obra mais conhecida de Tarsila do Amaral

Tarsila do Amaral, uma das artistas mais reconhecidas do modernismo brasileiro, será tema de uma nova linha de licenciamentos. Idealizados por Tarsilinha, administradora do legado da artista morta em 1973, a iniciativa começa com uma linha de tecidos – o metro custará 250 reais.

De acordo com a revista Veja São Paulo, a linha de tecidos inaugura uma série outros produtos que serão lançados. Serão sandálias, tapetes e toalhas que, segundo Tarsilinha, “ajudam a difundir a obra” de sua tia-avó.

Em entrevista à publicação, ela garantiu que não transformará a obra de Tarsila em fonte incondicional de lucros. “Já recusamos uma proposta de fábrica de papel higiênico”, disse à publicação.

Fonte: Vírgula

[social_button button=”facebook” flayout=”standard ” fwidth=”450″ faction=”like” fcolorsheme=”light”][social_button button=”twitter” tcount =”none”]

ABRAL nas redes sociais:

[social_link type=”facebook_account” url=”http://www.facebook.com/licenciamento” target=”on” ] [social_link type=”twitter” url=”https://twitter.com/abral_br” target=”on” ] [social_link type=”linkedin_account” url=”http://www.linkedin.com/company/abral—associa-o-brasileira-de-licenciamento” target=”on” ]