Recentemente, DPZ&T e Renault resgataram o clássico Caverna do Dragão

He-man, Caverna do Dragão, Breaking Bad: apenas alguns exemplos de como o marketing aproveita as referências geeks

Um suposto live-action de Caverna do Dragão deixou os fãs da série dos anos 80 animados. Para a decepção de alguns (e alegria de outros), tudo não passava de uma campanha da Renault. Mas essa não foi a primeira vez que a propaganda e o marketing decidiram reviver clássicos da cultura pop. PROPMARK relembra 10 vezes em que isso aconteceu.

Caverna do Dragão

O exemplo mais recente é brasileiro e traz uma superprodução da Renault assinada pela DPZ&T. O objetivo é lançar o novo Renault Kwid Outsider. O filme da campanha será lançado na próxima quinta-feira, dia 23.

Curtindo a Vida Adoidado

Uma suposta sequência de “Curtindo a Vida Adoidado” também gerou buzz na internet. Obviamente, tudo não passava de um comercial da Honda para o Super Bowl. O filme traz até o clássico “Oh Yeah”, da banda Yello.

He-man

Assim como Caverna do Dragão, He-Man também foi um desenho muito querido pelo público dos anos 80. No comercial abaixo, ele reencontra seu grande vilão: o Esqueleto. Só que não há combate, mas uma dança que, aliás, faz referência a outra obra marcante de outrora: os personagens interpretam sua pequena versão do longa “Dirty Dancing”, assumindo o lugar de Patrick Swayze e Jennifer Grey com a música tema “(I’ve Had) The Time of My Life”.

De Volta Para o Futuro

A obra de Romert Zemeckis estrelada por Michael J. Fox e Christopher Lloyd é, constantemente, relembrada em comerciais. Até porque, o filme usa e abusa do relacionamento com as marcas (quem não se lembra do Nike que se ajusta aos pés, não é mesmo?). No filme abaixo, Lloyd revive o icônico Dr. Brown para a Lego.

Chaves

No Brasil, a Netflix sempre faz referência a ícones da cultura pop tupiniquim, mesmo os de origem mexicana, como o seriado Chaves. No filme abaixo, María Antonieta de las Nieves, a eterna Chiquinha, revive sua personagem mais marcante para promover “Stranger Things”.

Xuxa dos Anos 80

A Xuxa dos anos 80 e 90 marcou a infância de muita gente. A Netflix relembrou o programa e fez a rainha dos baixinhos repetir frases que, em tempos de internet, ficaram famosas, como “Senta lá, Cláudia”. Mais uma ação para divulgar “Stranger Things”.

24 horas

Jack Bauer é um dos personagens mais marcantes das séries dos anos 2000. O personagem de Kiefer Sutherland não mede esforços para alcançar seus objetivos, como mostra o comercial abaixo, feito pela marca Acer e criado pela Mother de Londres.

Breaking Bad

Walter White, um dos últimos anti-heróis das tramas televisivas, foi revivido por Bryan Cranston para a campanha de seguros abaixo, criada pela Leo Burnett de Chicago. O personagem, obviamente, repete sua famosa frase: “Say my name”.

Matrix

Em 2014, a Kia resolveu trazer Morpheus de volta. O clássico personagem do longa “Matrix” retornou para promover o luxo na campanha da marca. Interpretado por Laurence Fishburne, Morpheu arrisca até mesmo alguns versos de ópera no comercial. A criação é da David & Goliath-Los Angeles.

Bônus:

O The Sunday Times, jornal do Reino Unido, recriou cenas icônicas da cultura pop nesta campanha desenvolvida pela Grey Londres. Num só take, o vídeo refaz, de forma competente, imagens marcantes, como representações históricas de “Cães de Aluguel”, “Mad Men”, “Forrest Gump”, entre outras. Confira:

Fonte: Propmark.