“A ABRAL, entidade integrante do painel de colaboradores do Conselho Nacional de Combate à Pirataria – CNCP, do Ministério da Justiça, aderiu, no último dia 14 de maio, ao Guia de boas práticas e orientações às plataformas de comércio eletrônico, para a implementação de medidas de combate à venda de produtos piratas, contrabandeados ou, de qualquer modo, em violação à Propriedade Intelectual, adesão que reflete o nosso compromisso irrestrito com o tema do combate à pirataria e a valorização da Propriedade Intelectual no nosso país.”

Acesse o Guia: https://abral.org.br/wp-content/uploads/2020/05/Guia-pirataria-comercio-eletronico.pdf

Fonte Abral