You are currently viewing The Smiley Company celebra 50 anos com sorriso largo

The Smiley Company celebra 50 anos com sorriso largo

A família Smiley possui cerca de 2,8 mil variações utilizadas diariamente por bilhões de pessoas em todo o mundo

Gente feliz tem a alma leve, espalha alegria, conforto e calma. Os efeitos do sorriso foram pesquisados pela The Smiley Company, a criadora do emoji do Sorriso, que neste ano comemora o seu cinquentenário. Criado em 1972 por Franklin Loufrani, o ícone se transformou em símbolo de positividade e, em 1996, ganhou o mundo digital pelas mãos do filho do jornalista francês, Nicolas Loufrani.

A família de aproximadamente 2,8 mil descendentes do Smiley hoje é utilizada diariamente por bilhões de pessoas que usam a internet para se comunicar em todo o mundo, consolidando os emoticons como linguagem típica do ambiente digital.

Mas a fonte de renda não vem de smartphones e seus sistemas iOS ou Android. Os licenciamentos é que deflagram motivos para rir em mais de cem países. Marcas da moda, brinquedos e alimentos, de um total de 14 indústrias, distribuem hoje o mesmo convite feito há 50 anos, para que as pessoas sorriam.

A mensagem Take the time to smile está em collabs, campanhas e ativações globais, que fazem da The Smiley Company uma das maiores empresas de licenças do mundo, com faturamento anual superior a US$ 573 milhões e vendas de mais de 68 milhões de itens ao ano. Produtos e campanhas são criados em parceria com o estúdio criativo da empresa em Londres para levar inovações sem perder a identidade característica do Smiley.

Grupo Inditex, Reebok e a brasileira Havaianas estão entre as parceiras da empresa, que em março montou pop-ups nos shoppings Cidade Jardim e Shops Jardins, em São Paulo, em parceria com o artista André Saraiva. As lojas ficam abertas até o dia 29 de abril.

Acalento
Apesar do nome já cravado na história da internet e de números vultosos, será que há motivos para sorrir em um mundo tomado por hostilidades? Nicolas Loufrani garante que sim. “Hoje, o mundo é menos agressivo que no passado”, responde.

Loufrani lembra os progressos da humanidade, hoje mais defensora dos direitos humanos e das mulheres. Cita ainda a capacidade de tirar mais de um bilhão de pessoas da linha da pobreza nas últimas três décadas, além da cura para males que há cem anos ceifariam a vida de milhares de pessoas.

Smiley é projetado na cidade de Londres em ação para o Dia Internacional da Felicidade (Divulgação)

“Há desafios, o homem não é perfeito, mas precisamos reconhecer a evolução e continuar encorajando as pessoas a olharem o lado positivo das situações”, acrescenta Loufrani. É o que faz o Smiley Movement. Desde 2017, a plataforma dá visibilidade para atitudes positivas nas redes sociais. “Veja a quantidade de ações solidárias com os refugiados da guerra da Rússia contra a Ucrânia”, ressalta Loufrani.

Em 20 de março, Dia Internacional da Felicidade, a The Smiley Company demonstrou a sua solidariedade com o povo ucraniano projetando a imagem da carinha sorridente em pontos turísticos das principais capitais do mundo.

O Rio de Janeiro se juntou a Londres, Sidney, Paris, Berlim, Nova York, Los Angeles e Roma na ação, que inspira gentileza e empatia, mostrando que sempre há razões para sorrir ao lado de amigos, familiares e colegas de trabalho.

Fonte: Propmark

Leave a Reply