“Godzila vs. Kong” arrecadou US$ 32 milhões no fim de semana e US$ 48,5 milhões nos cinco dias

A Warner Bros. registrou sua maior bilheteria nos Estados Unidos desde o início da pandemia da covid-19, com a estreia, neste feriado da Páscoa, de “Godzilla vs. Kong”, que arrecadou US$ 48,5 milhões e trouxe sinais encorajadores para Hollywood em sua luta para retomar os negócios depois de um ano praticamente perdido.

Executivos em Hollywood previam que o novo título da série de filmes, no qual o enorme monstro marinho luta contra o gigantesco primata, rendesse entre US$ 20 milhões e US$ 30 milhões.

“Godzila vs. Kong” arrecadou US$ 32 milhões no fim de semana e US$ 48,5 milhões nos cinco dias do feriado estendido da Páscoa nos
EUA. O resultado acima da expectativa indica que há uma demanda acumulada por filmes de ação de grande orçamento, cujos lançamentos vinham sendo “segurados” pelos estúdios cinematográficos durante a pandemia. Mais de 90% das salas de cinema dos EUA reabriram, segundo a Warner Bros., embora ainda estejam operando com capacidade reduzida, para cumprir as diretrizes de distanciamento social. “Godzila vs. Kong” superou com facilidade outros filmes da era da pandemia, como “Tenet”, de Christopher Nolan, que arrecadou US$ 20 milhões no fim de semana de estreia, em setembro, quando os cinemas em Nova York e Los Angeles ainda estavam fechados e não havia uma vacina contra a covid-19 à vista.

Fonte: Valor