You are currently viewing Grupo Box Brazil entra no mercado de conteúdo infantil

Grupo Box Brazil entra no mercado de conteúdo infantil

Companhia aproveitou o movimento de saída de players, como a Disney que está focando no streaming, para entreter crianças em idade pré-escolar

Na próxima sexta-feira, 1º, os assinantes da Vivo e o mercado de TV paga ganham mais uma opção de canal infantil. Trata-se do Box Kids TV, canal para crianças em idade pré-escolar do Grupo Box Brazil, que já conta com os canais Travel Box Brazil, Prime Box Brazil, Fashion TV e Music Box Brazil. O canal faz sua estreia apenas na Vivo, mas tem perspectivas de ampliar o número de parceiros de TV paga.

Desenho Lupita no Planeta de Gente Grande (Crédito: Divulgação)

“Era um dos poucos nichos de conteúdo, que não trabalhávamos nos nossos canais”, conta Ramiro Azevedo, diretor de programação do Prime Box Brasil, Fashion TV e, agora, da vertical para crianças. Apesar de as conversas sobre a entrada no conteúdo infantil não serem novas, o Grupo identificou uma oportunidade com a saída de outros programadores. Em janeiro, a Disney anunciou que cinco canais da sua grade linear de TV Paga migrarão para os serviços de streaming da empresa na América Latina. Nat Geo Wild, Nat Geo Kids, Disney XD, FXM são os veículos que deixam a grade.

Apesar da debandada, a companhia reconhece que está entrando em um nicho altamente competitivo. “Entendemos que vai haver um tempo de maturação, consolidação da marca e seus conteúdos”, explica Ramiro. Nesse sentido, ele aponta a flexibilidade da empresa e a proximidade com o mercado de produção independente como diferenciais competitivos. “Apesar de ser um grupo com cinco canais, somos uma empresa muito mais leve. Conseguimos nos movimentar de uma maneira muito mais dinâmica”, defende. “Temos essa expertise de tratar com a produção brasileira independente”, acrescenta o diretor de programação.

No caso de Box Kids TV, no entanto, além do conteúdo nacional e independente, atrações internacionais também estarão na grade. A proposta da companhia é conseguir igualar o volume e diversidade oferecido pelos concorrentes, como Gloob, Cartoon e Discovery Kids. Entre os títulos, estão AstrobaldoJogos de InventarAnimazooBubu e as CorujinhasUniverso Z e Lupita no Planeta de Gente Grande.

A escolha do público em fase pré-escolar também foi estratégica para o Grupo. Segundo Ramiro, para as crianças nessa idade, normalmente, ainda não é concedida a autonomia no consumo de conteúdo audiovisual. “Faz muito sentido na questão de que os pais podem estar tranquilos de que essa programação é pensada para eles”, defende o profissional.

Fonte: Meio & Mensagem

 

Deixe um comentário